Tudo o que precisa saber sobre a visão do seu gato

Os olhos do gato possuem uma grande beleza. Além de exercerem um grande fascínio, a visão deste felino fornece-nos informações acerca do seu estado de espírito. Saiba mais neste artigo.

A visão do gato

O fascínio que o gato exerce no ser humano deve-se em grande parte ao seu olhar marcado pela pupila rasgada na vertical, cuja acuidade parece não diminuir durante a noite.

Os olhos do gato adaptam-se muito bem à caça noturna. Tal como o homem, o gato possuí um par de olhos orientados para a frente, facto que lhe confere uma das melhores visões binoculares entre os mamíferos (cerca de 120º), permitindo uma melhor perceção dos relevos e das distâncias. Cada olho é complementado por uma visão monocular de aproximadamente 80º. O cristalino (sistema de auto focagem do olho) é bastante móvel e permite uma rápida focagem da presa.

Anatomia do olho do gato

Os olhos deste felino estão dotados de grupos de músculos que lhes permitem mover-se em todas as direções e estão protegidos por pálpebras. Possuem uma terceira pálpebra que apresenta uma grande mobilidade e é capaz de limpar e proteger toda a superfície da córnea (tecido transparente que fica na parte da frente do olho), cobrindo-a com uma película liquida protetora.

Perceção das cores

A perceção das cores requer a presença de cones fotorrecetores existentes na retina. O gato pertence ao grupo dos dicromáticos, o que significa que possuí dois tipos de cones. Este facto permite-nos pressupor que este felino percebe duas cores e as matrizes resultantes da sua mistura, do vermelho ao verde. O ser humano é tricromático, por outras palavras, possui três famílias de cones. Esta característica permite-nos detetar matrizes de cores de todo o espetro visível.

Visão noturna do gato

Em contrapartida, a visão noturna do gato é muito superior à do homem. A parte inferior do fundo do olho (tampetum) do gato funciona como um espelho refletor que devolve a luz “inutilizada” pela retina, o que permite que esta luz seja economizada e enviada de novo para a retina. Esta parte do olho é visível quando os faróis de um carro incidem nos olhos de um gato.

visão do gato
O tampetum da visão do gato

Como limpar os olhos a um gato

É preciso ter muito cuidado ao higienizar esta região por ser bastante delicada e sensível. É recomendada a utilização de materiais indicados e adequados a estes felinos, como gaze, toalha, líquido de limpeza e snacks (para premiar).

Procedimento:

A primeira etapa é envolver gentilmente o seu gato numa toalha com o objetivo de o animal não o arranhar.

De seguida, pegue na gaze e humedeça na solução Eye Clean Soft Care. Com movimentos delicados, retire a sujidade do primeiro olho. Evite tocar no olho dado que irá provocar dor. Limpe apenas ao redor.

Para limpar o segundo olho pegue noutra gaze para não passar potenciais infeções de um olho para outro.

No fim de limpar, passe um pano delicadamente pelos dois olhos.

Agora é a hora de recompensar o seu animal. Pegue num petisco e dê-lhe. Na próxima será mais recetivo a este processo.

Caso verifique qualquer tipo de reação alérgica nos olhos do gato como inchaço, pus, secreções ou dificuldade em abrir os olhos consulte o veterinário imediatamente.

Fotografia por: Pxhere e Unsplash

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *